Estudantes realizam exposição sobre saúde e bem-estar no bairro de Itapuã


As portas do Colégio Rotary, localizado no bairro de Itapuã, em Salvador, foram abertas para a comunidade do entorno, nesta quarta-feira (23), durante a 7ª edição do projeto Exposaúde, que envolve todos os estudantes do 3º ano do Ensino Médio e da Educação Profissional. As salas de aula foram transformadas em grandes estandes para a apresentação dos projetos sobre questões relacionadas à saúde e ao bem-estar da população.

Para cada ambiente, os estudantes prepararam uma surpresa e muito conhecimento. Os colegas, os visitantes e os familiares que foram prestigiar, receberam explicações sobre doenças sexualmente transmissíveis, doenças autoimunes, câncer, viroses, métodos contraceptivos, primeiros socorros e alimentação saudável. Na perspectiva da sustentabilidade socioambiental, o público também foi orientado sobre o impacto da poluição e do uso de aparelhos, como os celulares, na saúde. A atividade envolveu ainda a prestação de serviços odontológicos e nutricionais devido a uma parceria com a Fundação José Silveira e o Rotary Club da Bahia.

A coordenadora da Exposaúde, Selma Cristina Lira, comentou sobre a importância da iniciativa para o processo de ensino e aprendizagem dos estudantes. “Hoje é a grande culminância de todo um processo de pesquisas que eles fizeram durante esses dois meses de projeto com oficinas realizadas na escola e visitas a associações e instituições, bem como da participação de palestras com profissionais especializados”, explica.

A equipe do estudante Cláudio Santos Júnior, 17 anos, socializou o aprendizado sobre o câncer. “Estamos apresentando sobre os tipos de câncer, suas causas, diagnóstico, tratamento e prevenções. Mas o que mais estamos enfatizando são os principais fatores de risco para o câncer, como a má alimentação, o tabagismo, o alcoolismo e a falta de exercícios físicos. Já os sintomas não são específicos, depende de cada tipo de câncer e os casos que são mais constatados são o câncer de próstata e o de mama nas mulheres”.

A Exposaúde atraiu a vizinhança e levou muitos familiares de estudantes para a escola. Foi o caso de dona Cristina Lopes, mãe de Cláudio Júnior, que assistiu à apresentação do filho. “Fiquei emocionada em ver meu filho se apresentando. Acompanhei o processo de pesquisa, a preparação e os ensaios deles para hoje. É uma grande iniciativa do colégio falar sobre saúde. Estão todos de parabéns”, comemora. Outros grupos abordaram temas como violência sexual, anorexia, bulimia e diabetes.


Deixe uma resposta