IV Ginga da Raça agita o Parque Metropolitano do Abaeté


Nos dias 06, 07 e 08 de outubro, ocorreu um dos maiores eventos de capoeira realizado em Salvador atualmente, o IV Ginga da Raça. Evento de capoeira realizado pelo Grupo Raça, núcleo Salvador/Itapuã, como culminância do trabalho realizado durante todo ano.

Este ano o evento superou às expectativas, tanto de público quanto de satisfação. “Tivemos uma vasta programação, incluindo oficinas de musicalidade, de capoeira, de dança afro, entre outras. Contamos com a colaboração do Mestre Macaco – Santo Amaro na oficina de Maculelê, Mestre Calango – São Paulo na oficina de capoeira, Contra mestre Pitbull – Santo Amaro na oficina de Técnicas vocais e respiração, Professor Dainho Xequerê – Salvador na oficina de Afinação e Musicalidade, Graduada Pérolla – Salvador em outra oficina de capoeira e, por fim, a atual Deusa do Ébano do Ilê Ayê, Gisele Soares na Oficina de Dança Afro” afirmam os organizadores do evento.

Além dessas atividades houve também roda de capoeira na Loja Agô – Artigos para Capoeira, aula e roda com o Mestre Medicina na Praça da Igreja, na orla de Itapuã; momento de confraternização com a contribuição da Banda Flor do Dendê e intervenção artística com o Poeta com P de Preto, além do momento principal do evento com o batizado e troca de cordéis.

IMG-20171013-WA0011

O Grupo Raça

O Grupo Raça foi idealizado pelo Mestre Medicina (Luís Antônio de Oliveira Rocha), no ano de 1999, na região do Recôncavo Baiano. Hoje, as atividades do grupo se expandiram para vários locais do Brasil e do mundo, com núcleos em Muritiba (sede do grupo), Itabuna, Eunápolis, São Luís do Maranhão, Brasília, Natal, São Paulo, e até no exterior, como França, Espanha, Chile, entre outros.

Em Salvador entre os diversos núcleos está o dirigido pelo Professor Zebu, que já desenvolve suas atividades há 5 anos. O núcleo é também composto pelo trabalho do Formado Skilo, que ministra aulas para o público infantil da Baixa da Soronha, comunidade em vulnerabilidade social do bairro de Itapuã. Atualmente às aulas são ministradas pelo professor Zebu às segundas e quartas-feiras a partir das 18h no Parque Metropolitano do Abaeté.

Além das aulas de capoeira, samba de roda, Maculelê e musicalidade, o núcleo desenvolve algumas ações no bairro. O Raça sem Fome, que consiste na distribuição mensal de alimentação digna para o público em situação de rua do bairro; o Raça em Prosa, que tem como proposta dialogar com a comunidade sobre temas de relevância social, como o racismo, machismo, homofobia, política, entre outros, e o Sarau da Raça que tem como objetivo proporcionar acesso à comunidade de Itapuã a vários movimentos artísticos/culturais, como poesia, música, teatro, dança e debates, de forma itinerante dentro do nosso bairro.

 


Deixe uma resposta