Moradores de Piatã passam a contar com creche e pré-escola em 2018


O início do ano letivo de 2018 será diferente para os moradores da região de Piatã e Placaford, que passam a ter mais uma unidade municipal de ensino – desta vez para crianças menores de 5 anos. A Creche e Pré-Escola Primeiro Passo Piatã foi inaugurada na tarde desta quinta-feira (21) pelo prefeito ACM Neto, acompanhado do vice Bruno Reis, do secretário da Educação, Bruno Barral, demais autoridades, comunidade escolar e população.
A unidade tem 830 m² de área construída e recebeu investimentos de R$ 2,3 milhões, com recursos oriundos de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado com os shoppings centers da capital baiana, como contrapartida ao município pela cobrança de estacionamento. São dez salas de aula, refeitório, área de lazer e acessibilidade, com capacidade para receber aproximadamente 400 alunos.
A diretora da instituição, Márcia Cavalcante, afirmou que esta é a realização de um antigo desejo da comunidade. “Já recebi diversas mães procurando saber sobre a matrícula e elas sempre dizem que precisam colocar os filhos aqui para que possam trabalhar e dar melhores condições de vida a eles, além de se tornarem empoderadas ao não dependerem dos maridos para garantir renda”, completou.
O prefeito lembrou que, quando esteve ao local no ano passado, os moradores agradeceram pela presença, já que até então nenhuma autoridade tinha dado atenção à região. Uma das solicitações dos moradores na ocasião, inclusive, já foi realizada: a pavimentação da Ladeira Encontro das Árvores, que dá acesso à instituição de ensino.
“Queríamos que esta creche e pré-escola já começasse a funcionar no início do ano letivo de 2018 e hoje está sendo cumprido esse compromisso. Queremos que o próximo ano seja impecável na Educação, com fardamento, kit escolar, merenda e ensino de qualidade, como todas as pessoas merecem, principalmente as mais pobres. Vamos continuar com a entrega de uma unidade escolar por semana até fevereiro, e a cidade segue o passo também em outras áreas, como infraestrutura, saúde e social”, relatou ACM Neto.

Deixe uma resposta