csm_20170807JG1208_682528b154

Trecho do Farol de Itapuã será requalificado com financiamento internacional


A região do Farol de Itapuã, em Salvador, será reformada com aproximadamente R$ 2,5 milhões vindos de empréstimos internacionais. A informação foi divulgada nesta segunda-feira (7) pela prefeitura da capital baiana. A reforma faz parte do Programa de Requalificação Urbana de Salvador (Proquali), que foi autorizado pela Comissão de Financiamentos Externos (Cofiex) do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão. Ao todo, está previsto empréstimo de até US$ 60,7 milhões junto ao Banco de Desenvolvimento da América Latina, com contrapartida de igual valor pela Prefeitura.

No local, serão implantados quatro novos quiosques, com o mesmo padrão arquitetônico dos que já estão funcionando no bairro, além de 350 m de ciclovia, estacionamento em área livre e calçadão de concreto e de piso intertravado para uso de pedestres.

O projeto urbanístico foi elaborado pela Fundação Mário Leal Ferreira (FMLF) e compreende apenas a Rua do Farol de Itapuã em 21,5 mil metros quadrados, no trecho entre as casas da Marinha e a curva da casa que pertenceu ao poeta Vinicius de Moraes. As obras serão executadas pela Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra).

A ordem de serviço para início das obras está prevista para as próximas semanas, e a previsão para duração das intervenções é de quatro meses. “É uma área que está extremamente tumultuada e com conflito grande de carros, pois há motoristas que avançam para estacionar na areia da praia. O projeto é bem orgânico e atende a uma região que tem que ser preservada”, acrescenta a presidente da FMLF, Tânia Scofield.


Deixe uma resposta